A maneira que você segura sua caneta pode revelar muitas coisas sobre sua pernalidade; Descubra através do teste

Teste de linguagem não verbal sobre a maneira de segurar a caneta.

Existem jeitos simples de descobrirmos nosso caráter e das pessoas que nos cercam.
A linguagem não-verbal está em alta, e sabe como você pode saber? Num simples reparar nos seus hábitos!

Parece louco, eu sei! Também fiquei surpreso ao constatar isso. Porque as descrições combinaram certinho com a minha personalidade.
Posso descrever  sua personalidade só de te observar segurar a caneta!
Vamos lá? Faça sua comparação e nos comentários nos conte mais sobre você:

1- Caneta entre indicador e dedo médio:
Você é uma pessoal muito extrovertida e gosta de estar entre pessoas novas e descobrir o melhor que as novas experiências podem oferecer. Mas, por outro lado, é do tipo “não se apega não”, pois está sempre buscando sua independência e colocando sua liberdade em primeiro lugar, de tão grande que é sua vontade de viver e se relacionar. Isso pode gerar incômodos e inseguranças, pois as pessoas se sentem intimidades e desenvolvem insegurança.
Dica: Não tenha medo de se envolver com às pessoas, nem sempre estar com alguém significa prisão!

2- Caneta entre o polegar e o indicador:
Você é uma pessoa que surpreende a todos com sua inteligência e honestidade, estar ao seu lado é sempre lidar com alguém sincero. É uma pessoa extremamente observadora, nenhuma informação passa por você, às vezes te acham curioso demais, mas não é verdade, é uma pessoa que gosta de saber das coisas.

Por analisar muito está sempre no mundo das ideias, meio que avoado pensando na vida. Dica: Nem sempre o que se pensa é a realidade, não leve suas paranoias tão a sério.

3- Caneta apoiada no dedo anelar:
Você é uma pessoa mais introvertida, que se controla ao máximo para tentar fazer as coisas certas. Você aceita ajuda daqueles que te oferecem e às vezes até demonstra certa insegurança relacionada a opinião alheia. É um detalhista nato quando se dispõe, mas assim que perde o foco se acaba deixando passar informações que podem ser importantes para o convívio.
Dica: Você é o melhor que pode ser, não se incomode com o que os outros pensam.

 

Escrito por Thiago Aureliano Nascimento Conceição

colunista de variedades, tv e famosos, fofocas, política e policial. um pseudo nerd que entende um pouco sobre o assunto.