Com queda da vacinação sarampo ameaça o Brasil e surto da doença pode acontecer

Os casos registrados nos últimos dias devolvem uma preocupação sobre um surto da doença

Em São Paulo mais dois casos de sarampo foram confirmados. Um aconteceu na capital e outra na cidade de São Vicente que fica no litoral sul do estado Paulista.

Os casos registrados nos últimos dias devolvem uma preocupação sobre um surto da doença como aconteceu no ano de 2019. Essa preocupação ficou adormecida por 2 anos por causa da pandemia de covid-19.

PUBLICIDADE

De acordo com dados do Ministério da Saúde em 2019 houve 18.203 casos confirmados de sarampo com 15 mortes no país e na época o Brasil perdeu o certificado de erradicação da doença que havia ganho no ano de 2016 pela Organização Panamericana de Saúde.

De acordo com as informações o presidente da Sociedade Brasileira de Imunização disse que o distanciamento social obrigatório por causa da covid-19 deixou uma ideia de que o surto de sarampo estaria resolvido por não haver contato, mas isso não é real.

PUBLICIDADE

Os números diminuíram, porém, o sarampo ainda é uma ameaça e segundo um pediatra é possível que esses quadros de sarampos aumentem e a única maneira de combater a doença é através da vacinação que no Brasil tem caído drasticamente.

Muitas crianças não receberam a segunda dose da vacina e estão suscetíveis a doença, a maior preocupação é que uma criança infectada pode transmitir a doença para até 18 crianças, pois o sarampo é considerado uma das doenças mais transmissíveis, é preciso vacinar.

PUBLICIDADE

 

Escrito por Informe Cl

Colunista de notícias dedicada a escrever artigos de qualidade sobre saúde, TV, notícias de grande repercussão, notícias gospel e demais assuntos.