Do preconceito para o mundo da moda: A história de vida de Ana Victória a primeira modelo mundial com microcefalia

Ainda na mesma altura, Maria Luíza, não ficou muito a vontade de estar em frente às câmeras, e ficou um pouco sem jeito, dizendo melhor tímida, mas a sua irmã, por sua vez foi um sucesso, ela se saiu super bem, mostrando que essa poderia ser uma carreira a investir.

A mãe das meninas, deu uma entrevista a um site, e contou que cada dia mais se surpreende com a evolução de ambas, uma vez que os médicos falaram que elas não iriam andar mais nem falar até ao resto da vida.

Depois de regressarem a casa, no fim de concluir a sessão de fotos, Viviane falou com o seu marido, sobre a possível possibilidade de Ana Victória, se empenhar e trabalhar como modelo, uma vez que a dona da agencia, teria explicado que o mercado de moda inclusiva, já se encontra em andamento e a jovem tinha uma grande careira de desenvolvimentos no mundo da moda, frente às câmeras.

Já no dia seguinte, Ana Victória, acabou por ser convidada, dessa vez para um ensaio mais produzido, e não é que foi u sucesso? A mãe, finalmente se deu conta que a filha estava realizada e feliz.

Vitória tem uns pais muito corujas, eles tem o máximo cuidado com a filha, e com a sua carreira. Eles primeiro vão avaliar e pesquisar a fundo cada trabalho depois dão a avaliação final. Garantindo assim que a imagem da filha esteja sempre protegida, e jamais incluídas em causas que não sejam aprovadas por eles.

Escrito por Carla Sofia

Sou especialista em Receitas, dicas e saúde! Gosto sempre de estar atualizada de novas receitas e formas medicinais!