Maconha dobra chance de orgasmo feminino, afirmam cientistas

Foram avaliadas 373 mulheres, sendo que metade consumiu a erva

Fumar maconha faz com que a mulher tenha menos dores nos atos sexuais e mais vontade na prática. E tem mais uma coisa envolvida: Ser capaz de dobrar as possibilidades de atingir orgasmos em relação com quem que não usa.

Alguns pesquisadores de uma escola de medicina nos EUA concluíram em sua analise no “Sexual Medicine Journal”, falando que é o Viagra das mulheres.

O estudo apurou em entrevistas com mais de trezentas pessoas que são usuárias e não são, respondendo a questionários anônimos. A parte que consumiu antes do sexo fala que a vivência foi positiva, com orgasmos mais intensos e com isso, sentindo menos dor, porém sem modificações na lubrificação vaginal.

Em relação ao orgasmo, a explicação apresentada para a distinção nos resultados é pelo fato da maconha reduzir alguns mal-estares, tanto físico quanto psicológicos.

O aumento das sensações de prazer, o aumento da confiança e o desejo de experimentar novas sensações, são motivos essenciais para o resultado.

Os investigadores sugerem que a erva ativa os neurotransmissores ligados ao prazer. E essa relação precisa de outros estudos para ser confirmada cientificamente.

Riscos

No meio de uma grande discussão, os estudos sobre esse assunto têm sido férteis para a ciência. Pesquisas recentes ligam o consumo da droga à casos de depressão e iniciativas de matar a si mesmo e ao desenvolvimento de perturbação mental.

O uso da maconha é cortado durante a gravidez, pelo fato de uma substância ser negativa para o bebê, pois pode influenciar no desenvolvimento do sistema nervoso central e do sistema imunológico do feto.

Grupo de mães defende o uso da erva

Elas falam que estão cansadas disso tudo. Desde a legalização no Canadá, inúmeras mulheres se juntaram para protestarem pelo fato de que a erva faz delas mães melhores.

Sentada na sua sala, onde predomina um cheiro suave de maconha, uma mulher de trinta anos, reprova o “desprezo” de que são vítimas, de acordo com ela, as jovens mães consomem isso e é totalmente legalizada no Canadá.

Ela assegura que a maconha possibilita cumprir todas as suas tarefas diárias muito melhor, como trabalhar, cuidar dos filhos, limpar a casa, e dentre outras coisas que leva nos ombros.

 

Escrito por Julia Menezes Poncio

Redatora das mais variadas matérias, como notícias de famosos, curiosidades, atualizações sobre esporte, etc