Paralisia do sono: o que é, porque acontece e como evitar passar por isso

A paralisia do sono pode ocorrer em várias idades, mas é frequente em adolescentes e jovens adultos

Você ouviu falar a respeito da paralisia do sono? Caso não tenha ouvido falar ainda, iremos explicar um pouco mais a respeito deste problema, como ele ocorre, e a melhor forma de lidar com os episódios. Primeiramente, trata-se de um transtorno que ocorre quando a pessoa acorda, ou no momento em que ela tenta adormecer. Diante disso, a pessoa não consegue nem mesmo se movimentar, e sua mente permanece acordada.

A pessoa afetada está acordada no momento, no entanto, ela não consegue se mexer. Com isso, é causada uma sensação de terro e angústia. Isso acontece durante o sono, por que enquanto você dorme, o seu cérebro passa a ficar mais relaxado, a musculatura também relaxa para conseguir guardar mais energia, evitando movimentos bruscos durante sonhos.

No entanto, no momento em que algum problema de comunicação entre o corpo e o cérebro acontece enquanto você dorme, o cérebro pode acabar demorando mais para conseguir desenvolver os seus movimentos, o que causa a paralisia do sono.

Algumas pessoas ao vivenciarem este momento, alegam que acabam tendo alucinações. No entanto, isso ocorre devido à ansiedade e medo, que é causada devido à falta de controle do próprio corpo. Estes episódios podem acontecer com qualquer pessoa, mas são mais comuns entre adolescentes e jovens adultos, entre 20 e 30 anos.

Os sintomas são os já citados, de não conseguir mexer o seu corpo mesmo estando acordado, com uma sensação de dificuldade para respirar, além do medo e angústia. Outras sensações que podem vir com a paralisia são a de afogamento, e de estar caindo ou flutuando.

 

Escrito por Redator News Hero

Sou especialista em notícias da TV, fofocas de famosos e acontecimentos em geral. Também escrevo sobre acontecimentos no meio político.